Menózada

#Partiu Resenha

Por Carlos Douglas Martins

Sejam bem-vindos a coluna Partiu Resenha. Um espaço para narrar o cotidiano, descrever experiências literárias, culturais e artísticas, expressar percursos afetivos e experimentações. Aqui traremos resumos e resenhas de livros.

Nó em Pingo D'água

Por Vivi Linares

Uma coluna sobre pequenos empreendedores informais e formais, informações sobre a vida prática dos negócios em periferias, novidades, desafios e reflexões sobre essa onda de empreendedorismo e uberização.

Observatório Cotidiano

Por Roberto Brito

O espaço Observatório Cotidiano tem a vocação de tornar públicas as múltiplas visões daquilo que é, em parte, inominável e intangível: o cotidiano. O tema vem a calhar pelo fato de ser ao mesmo tempo uma abstração espaço-temporal e uma arte ainda não compreendida. 

Peabiru 3000

Por Ademas Pereira

Aqui passado e presentes irão se encontrar, em uma multiplicidade de formatos textuais, da cantiga de rua ao discurso político, passando pelas artes, o cinema, e as vidas anônimas dos brasileiros. Estórias e trajetórias serão contadas no encontro proposto por essa grande encruzilhada: Peabiru 3000.

Bora Apre(e)nder?

 por Robson Campanerut

O que é ensinar? O que é aprender? O que faz de nós seres educativos? A seção coloca na mesa o debate da importância de se aprender a aprender para depois aprender a educar. A educação é a coisa mais linda mas também uma das coisas mais difíceis de se fazer.

O negócio é ser rural

Por Eliana Leite

 Inspirada na temática do livro Small is Beautiful (O Negócio é Ser Pequeno), a coluna “O negócio é ser rural” valoriza o invisível mundo rural, jogando luz sobre a enorme viabilidade do país em sua essência tropical, a partir de temas como educação agrícola, agroecologia, reforma agrária, comércio justo, povos tradicionais, pesca artesanal e economia solidária, sempre tendo como elemento ligante a proteção social, cultural e do meio ambiente.

Siga Menó 

Todos os Direitos Reservados Revista Menó ©

Poetizando

Por Felipe Moura

Esse espaço está dedicado a leitores/escritores que curtem a subversão da linguagem que a poesia/poema evoca. As fronteiras entre o dentro e o fora, o corpo e a alma, o escritor e a escrita, o grito e o silêncio são colocados em questão nessa eterna reescrita de si para o “outro” que é a pô-esia.

98110b72-5a61-4c34-8283-24836f8a2cea.jpg

Conto do Vigário

 por Marcelo Gomes

Bem-vindos aventurados. Nossa coluna os conclama a lerem nossos contos ficcionais de muitas formas literárias. Nessa grande orgia, que se revelará a cada história, reúnem-se os malditos da literatura marginal e seus boêmios hedonistas, o fantástico de muitos mundos, o grotesco do horror e sua expectativa do suspense, os vislumbres das novas distopias, e o futuro que nos aguarda.

WhatsApp Image 2021-12-05 at 16.12.02.jpeg

Mesa de Dama

 por Fijó

Num lugarzinho pitoresco da baixada, existem senhoras e senhores, crianças, adolescentes por aí conversando sobre a vida, sobre o mundo, sobre política, religião e afins. Ideias nascem, crescem, se desenvolvem e até morrem dentro dessas viagens pela subjetividade do dia-a-dia baixadense. Geralmente tais conversas se dão num lugar improvável, sentados à uma mesa com um tabuleiro de damas pintado, e eu convido você a ter um vislumbre da baixada no que se propõe a ser um mensageiro dessas ideias.