Perfil
Data de entrada: 29 de set. de 2021
Sobre
0 Curtida Recebida
0 Comentário Recebido
0 Melhor Resposta

Leituras sobre um velho cachaceiro


Sinto sua tristeza,

sua dor,

vejo suas lágrimas escorrendo pelo seu rosto cansado.

Folheio suas páginas e imagino todas as emoções criadas pelo autor.

Chinaski é um filho de proletariados,

sou eu,

é você,

um misto de desesperança e desamor.

Bukowski explicita as frustrações de um povo que já nasce em desvantagem.

Duro

e

Crú

Devoro o misto quente, me afundo na realidade e no imediatismo da sua escrita.

Palavras bonitas não refletem com sinceridade a feiúra do mundo.

E eu com meus 23 anos de imediatismo e urgência,

me ponho a perde tempo lendo um velho desgraçado e cachaceiro.

Bukowski não tem papas na língua

sua escrita me nocauteia

seu imaginário me fascina

leio trezentos e pouca páginas em dois dias.

E que essa merda de poema

que eu cago em versos medíocres como a minha pífia existência te façam entender que a realidade não tem que ser bonita.

Meus poemas não servem para molhar calcinhas ou muito menos inflar egos de supostos críticos de merda.

Meus poemas são a diarréia da minha alma sofrida,

já cansada de ver amigos mortos,

já cansada de ter medo de ser o próximo,

somos os já nascidos prontos para o descarte.

E a arte que me da força para gritar,

pode também me silenciar.

Eu não preciso de ninguém para me julgar

Eu escrevo, pois já cansei de chorar

Pivete